Sobre a Galeria Alma da Rua

O Espaço Cultural Alma da Rua chega no coração da arte de São Paulo e se revela como um novo ponto de encontro de artistas na Vila Madalena, junto ao Beco do Batman. Visando ser um centro gerador e articulador de arte urbana, expõe obras e gravuras de artistas conceituados da velha e da nova cena da rua, como Vitché, Nunca, Zezão, Fullhouse, Titifreak, Enivo, Rodrigo Branco, Jerry, entre outros – frutos da coleção do sócio fundador Tito Bertolucci.

A Alma da Rua fomenta diversos tipos de manifestações culturais, com o intuito de proporcionar atividades por meio da reflexão, formação, produção e história da arte presente nas ruas. A programação diversificada inclui oficinas, palestras, shows, debates, projeções de vídeos, rodas de conversa. Além de promover eventos semanais e mensais, como saraus e exposições com live paint do artista convidado. Promove visitas guiadas pelo Beco do Batman, contando sobre os graffiti e artistas ali expostos.

O espaço foi pensado para integrar, conectar, aproximar, sobretudo para mostrar que a arte acontece no cotidiano. A fachada da Alma da Rua é mutante, sempre apresentando trabalhos de artistas parceiros como Barneiro, Agnaldo Mirage, Thiago Ritual e Mauro.

Localizada no Beco do Batman, referência de arte urbana na cidade, um dos lugares mais frequentados da cidade de São Paulo, uma galeria de graffiti a céu aberto. A intensidade e a mutação do graffiti realizam encontros e criações entre as pessoas que circulam pela Vila Madalena. Com ruas estreitas, a visita ao local pode ser mais proveitosa se o visitante for a pé ou de bicicleta. Atualmente, os desenhos são renovados constantemente por grafiteiros e a comunidade ajuda a conservar as paredes que são disputadíssimas pelos artistas. O Beco tornou-se um ponto turístico obrigatório para os amantes das artes urbanas.